22 de Maio de 2019 - Quarta-feira
 
Santa Maria de Itabira - MG
 
Palavra do Padre
Queridos irmãos, estamos iniciando mais um mês em nossa vida, mais uma oportunidade que Deus nos concede de nos colocarmos inteiramente em suas mãos amorosas e misericordiosas. Espero que você e sua família estejam em paz e sobre a proteção maternal da Virgem Santíssima, nossa mãe querida.
Mês de maio, lembramos sempre daquela que nos deu vida, que tem o dom especial de gerar, de nos amar e de cuidar de cada um de nós, as nossas queridas mães. Por isso, a nossa oração e o nosso abraço, de modo especial, a você que é MÃE. Deus as abençoe nesse mês a vocês dedicado. Recordamos, também, e celebramos, com muita alegria, uma devoção especial em nossa Igreja, a devoção à Virgem Santíssima, a Mãe do Filho de Deus e nossa querida mãe: Nossa Senhora, com diversos títulos. Aqui recordo, de modo especial Nossa Senhora de Fátima, que celebraremos no dia 13 de maio.
Como nos alegra saber que Jesus, do alto da cruz, do seu sofrimento nos deu Maria como nossa mãe. “Ao ver Sua Mãe e junto dela o discípulo que Ele amava, Jesus disse a Sua mãe:” “Mulher, eis aí o teu filho”. Depois disse ao discípulo: “Eis aí a tua Mãe” (Jo.19, 26-27).
Na Constituição Dogmática Lumen Gentium, na parte VIII, do Concílio Vaticano II, encontramos uma das razões pelas quais veneramos a Virgem Maria: “Querendo Deus, na Sua infinita benignidade e sabedoria, levar a cabo a redenção do mundo, “ao chegar a plenitude dos tempos, enviou Seu Filho, nascido de mulher... a fim de recebermos a filiação adoptiva” (Gál. 4, 4-5). “Por amor de nós, homens, e para nossa salvação, desceu dos céus e se encarnou na Virgem Maria, por obra e graça do Espírito Santo” . Este divino mistério da salvação é-nos relevado e continua na Igreja, instituída pelo Senhor como Seu corpo. Nela, os fiéis, aderindo à cabeça que é Cristo, e em comunhão com todos os santos, devem, também, venerar a memória ”em primeiro lugar, da gloriosa sempre Virgem Maria Mãe do nosso Deus e Senhor Jesus Cristo” .Recorramos sempre a intercessão da Virgem Maria. Que em nossas comunidades mantenhamos a bonita tradição das coroações bem como a oração do Terço.
Neste mês, queremos, também, começar a preparação dos novos Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão. Por isso pedimos a cada comunidade que olhe com carinho e nos ajude a convidar quem deseja e atende os requisitos necessários para participarem das formações que, em breve, começaremos em nossa paróquia
NOVOS MINISTROS
Após o Concílio do Vaticano II (1962-65), o Papa Paulo VI autorizou a instituição dos Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão (MESC), fiéis leigos cuja missão é facilitar aos celebrantes a distribuição da S. Comunhão em igrejas, capelas, hospitais, aos doentes nas casas e outros lugares, desde que o sacerdote não possa fazer isso. A Santa Sé a, porém, que o exercício desse ministério deve conservar o seu caráter supletivo e extraordinário, não dispensando os Ministros Ordinários (Bispos, presbíteros, diáconos) de fazer a sua parte.
Este ministério sagrado deve ser exercido por leigos que tenham uma vida cristã autêntica, sejam maduros na fé e possam servir à Igreja
CATEQUESE BATISMAL
Iremos, aos poucos, implantando, em nossa paroquia, a nova proposta diocesana de preparação para o batismo. O modelo que hoje utilizamos é o do curso de batismo, durante um dia com validade de dois anos. A nova proposta é que a preparação não seja mais um CURSO, mas sim, uma catequese batismal, e que, se possível, seja realizada nas nossas comunidades, na casa dos pais e ou padrinhos, sem ter a necessidade de se deslocar até a Matriz para a preparação para o batismo. Nessa nova proposta, iremos realizar três encontros, em forma de celebração.
A Catequese Batismal deve priorizar: a oração e a gratidão, agradecendo a Deus pelo dom da vida; o conhecimento e a vivência da fé cristã; o fortalecimento de laços de relacionamento entre as famílias e a comunidade; reanimar e intensificar a fé de pais e padrinhos; e preparar as famílias para o Sacramento do Batismo, sem deixar de olhar a realidade. Tudo isto, também, é evangelização e missionariedade. Mas tudo isso será realizado e implementando com muita calma e com a colaboração de todos os agentes de pastoral da nossa paroquia.
Que São José e N. S. do Rosário nos abençoem!
Pe. Anderson Ferreira Teixeira
Vigário Paroquial
 
Mapa do site
Início Paróquia Participe Acontece Paroquiano Contato  
NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO / Diocese: Itabira - Coronel Fabriciano
Praça Sagrados Corações, nº 3 - 35910-000 - Centro - Santa Maria de Itabira/MG - Fone: (31) 3838-1199
  © Copyright 2004-2019 iParoquia.com
Todos os direitos reservados