NOSSA SENHORA DA LUZ - ROCHA
Cidade Rio de Janeiro - RJ - São Sebastião
www.nossasenhoradaluz.iparoquia.com
 
Padroeiro(a)
NOSSA SENHORA DA LUZ

DEVOÇÃO À NOSSA SENHORA DA LUZ

Esta devoção começou com Pedro Martins, português de origem humilde, nascido na Cidade de Carnide e que possuía na localidade de Algarbe algumas terras herdadas por sua esposa.
Certa vez, quando para lá se dirigia, a fim de cuidar de sua propriedade, foi aprisionado pelos Mouros numa das incursões feitas pelos infléis em território português e levado para o norte da África.
Naquela ocasião, por volta de 1453, sobre a Fonte do Machado, na Cidade de Carnide, apareceu uma Luz Misteriosa, cuja origem ninguém conseguia descobrir. Andava o povo alarmado. De Lisboa e dos arredores chegava muita gente para ver o fenômeno. O lugar passou a ser chamado: “A LUZ”.
A Luz ficava parada a uma altura de uns 100 metros e as pessoas, por mais que se aproximassem, não conseguiam chegar a ela.
Pedro Martins era muito devoto da Virgem Maria e já desanimado de ser libertado pelos homens, recorreu Àquela que é o socorro dos aflitos e a esperança dos desesperados.
Suas orações foram ouvidas pela Virgem Maria que lhe apareceu 30 noites seguidas em sonho, procurando consolá lo.
Na última noite, ela disse lhe que em poucos dias se encontraria em sua casa, em Carnide. No entanto, deveria ir à Fonte do Machado e procurar uma imagem sua escondida perto da fonte. O local onde a imagem estava seria indicado por uma luz, e no local, Pedro deveria mandar construir uma capela.
A Virgem Maria anunciou a Pedro que o dia da viagem de volta havia chegado. Ele deveria proceder normalmente, andar até o navio, pagar a viagem com o seu trabalho no próprio navio, e sair de casa sem receio, pois, todos estariam olhando para ele, mas não o veriam.
Como a Virgem Maria prometeu, dias depois Pedro Martins apareceu em sua Cidade natal.
Em agradecimento por tão milagrosa libertação, Pedro procurou logo realizar o desejo da Mãe Santíssima. Em companhia de um parente, saiu certa noite à procura da imagem.
A luz cintilava sobre a fonte. Caminharam por entre o arvoredo e notaram que ela ia se deslocando até que em determinado momento parou. Limparam o local. Ao removerem algunas pedras encontraram a Imagen da Rainha do Céu.
Assim se espalhou a notícia do feliz achado. Grande foi a afluência do povo ao lugar. A Virgem Maria ali começou a ser invocada com o título de Nossa Senhora da Luz.
Logo que Pedro Martins iniciou a construção da ermida com a permissão do Bispo de Lisboa, que se prontificou a lançar a primeira pedra em solene cerimônia religiosa. Mais tarde esta capela foi substituída por suntuoso templo, inaugurado em 1596.
A festa de Nossa Senhora da luz começou ser celebrada todos os anos e as casa nobres portuguesas disputavam entre si a honra de se encarregarem das despesas. Este grandioso santuário, entretanto, foi quase destuído pelo terremoto que assolou Lisboa em 1755. Catástrofe que, segundo piedosa lenda, deu origem à construção de Nossa Senhora da Luz em Diamantina.
No Brasil esta devoção foi difundida pelos jesuítas e beneditinos e está presente no bairro da Luz SP, em Diamantina MG, no Rocha e no Alto da Boa Vista RJ, nos estados do Sul, principalmente de Curitiba que tem Nossa Senhora da Luz como padroeira da Cidade.

Dia do Patrono ou Titular:

O dia consagrado a N. S. da Luz é 08 de setembro. Os atos programados para esta data são basicamente novena ou tríduo, missa solene e procissão. Todo dia 08 de cada Mês a Igreja dedica uma Missa especial à Padroeira.

NOSSA SENHORA DA LUZ - ROCHA - Rua Ana NÉri - 1114 - CEP: 20960-005 - Bairro: Rocha - Cidade Rio De Janeiro/RJ
Fone: (21) 2241-0671 - Email: pnossasenhoradaluzrocha@gmail.com
© Copyright 2004-2021 iParoquia.com - Todos os direitos reservados